Entrevista: esclarecemos a presença da Audio-Technica no Brasil

A Audio-Technica é uma empresa japonesa fundada em 1962 em Tokyo, conhecida e respeitada no meio do áudio analógico pela qualidade da extensa linha de toca-discos, cápsulas e agulhas que fabrica. Os produtos da Audio-Technica, se já não integram o sistema de som, estão na lista de desejo de audiófilos, DJs e iniciantes no melhor formato.


Recentemente, uma notícia sacudiu o mercado: a chegada da Audio-Technica no Brasil(!). Conversamos então com Alexandro de Azevedo, diretor-presidente da marca no país, e descobrimos, entre outras coisas, que a Audio-Technica já estava entre nós.


Acompanhe nossa conversa onde ele fala sobre o mercado, detalha equipamentos e conta as expectativas da marca para os apaixonados por vinil.


Phono Brasil: Recebemos a notícia que fez muito barulho sobre a chegada da Audio-Technica no Brasil...


Alexandro: Na verdade, nós nunca saímos do Brasil. Estávamos, como posso dizer… adormecidos. Eu assumi as operações da Audio-Technica no Brasil há um ano, mas venho de uma trajetória de mais de 15 anos no mercado do áudio, tendo passado pela Harman, JBL e Bose. Desde março do ano passado estávamos sem distribuidor da área profissional, mas na área de consumer sempre tivemos a Karimex trabalhando com toca-discos, cápsulas e agulhas.


Qual o papel da Karimex e da Lecran no mercado?

A Karimex é nosso distribuidor há quase 4 anos para uma linha de varejo offline e online e distribui fones de ouvido, microfones da linha consumer, toca-discos, cápsulas e agulhas. Trabalham ainda, desde a metade do ano passado, com uma linha profissional de microfones e fones de ouvido que chamamos de crossover, que são produtos que navegam entre o mercado consumer e profissional e têm apelo em ambos os segmentos. É a Karimex que atende as plataformas da Amazon, FastShop, Magazine Luiza, Kabum etc.