top of page

MECA Inhotim promete 3 dias de experiência musical em agosto

A idéia era tão boa que muita gente se perguntou porque não havia acontecido antes: um festival de música abrigado no maior museu a céu aberto do mundo. Ali, em meio ao exuberante jardim botânico e obras de Cildo Meirelles, Zhang Huan, Yayoi Kusama, Olafur Eliasson, Tunga, Lygia Pape, Hélio Oiticica, Miguel Rio Branco, Amílcar de Castro e muitos outros, apresentações especiais de alguns dos maiores nomes da história da nossa música, além de workshops, passeios, vivências, gastronomia, performances especiais e até mesmo uma feira. Uma proposta para ir além da música e oferecer uma experiência ímpar. Nascia então, em 2016, o Meca Inhotim.

A frase “maiores nomes da história da nossa música” não é aleatória. Pelos palcos do festival, já passaram Caetano Veloso, Gilberto Gil, Jorge Ben Jor, Milton Nascimento e Elza Soares, entre outros. Nascido sob a égide de “o maior menor festival do mundo”, o evento é hoje parte integrante do calendário da capital mineira e que atrai não só gente de Minas Gerais, o Meca é um dos poucos festivais que atrai turistas, oriundos de todo o país, em busca deste algo mais prometido pelos organizadores.


Vale lembrar que o Meca não nasceu em Inhotim, mas no sul do país. Do litoral gaúcho para o interior de Minas Gerais, sem esquecer as edições realizadas no Rio e em São Paulo, o evento sempre teve um olhar diferenciado para o que acontece na cena cultural brasileira e propõe experiências para elevar o espírito dos frequentadores. Alguém pensou na palavra “cool”? Se pensou, não está de todo errado. O Meca Inhotim é hoje tido com o evento mais cool do país e é possível encontrar matérias sobre ele em algumas das publicações que percorrem o mundo em busca de tendências para os novos milênios.


Para 2023, a organização do evento promete uma edição mais do que especial, com mais de 50 horas de música, encabeçada por apresentações de Daniela Mercury, Adriana Calcanhotto, Rodrigo Amarante, Luedji Luna, Alto da Maravilha (Russo Passapusso, Antônio Carlos e Jocafi), Tuyo, Ana Frango Elétrico e Lamparina. O lineup de vivências, talks e djs sets ainda não foi divulgado.


Uma proposta inovadora, com um DNA de futuro. Este é o Meca Inhotim, que acontece entre os dias 4 e 6 de agosto, no Inhotim.





(de cima para baixo: Rodrigo Amarante, Adriana Calcanhotto, Daniela Mercury, Russo Passapusso, Antônio Carlos & Jocafi - atrações do Meca Inhotim 2023). Fotos: divulgação/Meca Inhotim

SERVIÇO

Meca Inhotim 2023

De 4 a 6 de agosto

Local: Inhotim

Informações e venda de ingressos no site oficial.





11 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page